quarta-feira, 1 de julho de 2009

Ensaio Fotográfico: As marretadas e a volta!

2009
Life F35 W12 restaurado

(Clique para ampliar)


Para Estoril, Ernesto Vita finalmente fecha um acordo com os motores Judd. Os ineficientes motores W12 de Franco Rocchi, dão a vez para os razoáveis motores V8 CV de John Judd.

Estes motores já equipavam as equipes de F1 desde 1988, quando a Williams, Ligier e a March usavam o propulsor. Em 1990, a Lotus e fraca EuroBrun também os usavam. Será que assim o carro pararia de quebrar?

Ledo engano quem achou que isso aconteceria. Para (tentar) encaixar melhor o motor V8 no chassi, Vita pegou um dos primeiros carros da Life, era renomeado de L189B. Tratava-se do chassi da First, com algumas modificações. As entradas de ar laterais saiam, por exemplo.

Ler o resto do post

3 comentários:

Artybel disse...

Thanks Rianov for this 'Life' team tribute!

Do you know what means 'Pic' in the name of this team?
In the spring of 1990 Ernesto Vita signed a contract with director of of this russian company - Mikhail Picovskiy. Picovsky promised help of soviet defence industry and great financial support (around 20 millions of US dollars) to the team. Vita was very proud with this collaboration, even in his office he had a small USSR flag as a gift from his 'sponsor'. But no money has arrived... It was a strange deal, indeed ;)

Life is life... La la la la la!

L-A. Pandini disse...

Rianov, uma correção: em 1990, a Lotus usava motores Lamborghini. Abraços. (LAP)

Leonardo disse...

Olá. Existe um erro nesse texto. Em 1990 a lotus não usava motor Judd e sim Lamborghini.
Abraços
Leonardo.