quinta-feira, 21 de outubro de 2010

20 anos depois, as fotos...

1990
Alain Prost (Ayrton Senna), Scuderia Ferrari SpA (Honda Marlboro McLaren)
Ferrari F1-90-2 (McLaren MP4/5B), Ferrari 3.5 V12 (Honda 3.5 V10) , Goodyear (ambos)
XVI Fuji Television Japanese Grand Prix, Suzuka, Suzuka - Japão

(Clique para ampliar)


























- "Eu errei o pedal, fui frear e apertei o acelerador.", ou algo assim, não importa muito, já que o mais importante do fim de semana foi ver o mágico Roberto Moreno em 2º.

Isso sim foi importante.

22 comentários:

Daniel Machado disse...

Muito boas as fotos cara. Concordo, foi bom ver o grande Roberto Moreno no pódio, ao lado de Piquet. Emocionante a cena dele chorando rsrs.

Walter disse...

Tenho curiosidade de saber como ser contada essa historia no Filmes do Senna.

Gostei do que Senna fez: resposta ao Balestre, muito Mais do que ao Prost.

Matheus Cunha disse...

Os pilotos mais lembrados, mais queridos (e mais odiados) são aqueles mais humanos, que ao mesmo tempo que são excepcionais no que fazem, tomam atitudes por impulso, fazem coisas até anti-éticas. Esse título do Senna demonstrou muito bem esse lado humano desse gênio, deixou aflorar seu Mr. Hyde. Mostrou que o Senna não é tão diferente assim de Piquet: quando acreditam que estão certos, vão até o fim com seu ponto de vista, não importando o que os outros pensem!
Para mim, isso não mancha a carreira dele. Afinal, se até o Prost, maior rival de Senna e o maior prejudicado por isso tudo, nunca escondeu o respeito e a admiração (e no fim, a amizade) por Ayrton, quem somos nós para julgá-lo?

Speeder_76 disse...

Belas fotos e bela sequência, sem dúvida. Sobre esse Grande Prémio, escrevi hoje as minhas impressões sobre aquele evento de há vinte anos.

Eis o link: http://continental-circus.blogspot.com/2010/10/o-meu-inesquecivel-gp-do-japao-de-1990.html

Abraços!

Flavio Maciel disse...

Era questao de honra ali nao ? O acidente poderia ser evitado pelos dois pilotos, mas quem iria amarelar ?
Eu teria feito a mesma coisa !!!!

Verde disse...

Não. O mais importante foi ver AGURI SUZUKI terminando em TERCEIRO EM CASA de LARROUSSE.

Mas o pódio do Moreno também foi épico.

Enfim, corrida inesquecível. Agradeço ao Senna e à sua falta de bom-senso e inteligência por ter proporcionado a todos um dos pódios mais legais de todos os tempos.

Tohmé disse...

O escroto sequer tirou o capacete de vergonha.
Um FDP de fala mansa.

Fernando Kesnault disse...

Se fosse o contrário o que as viúvas do safado/egoista diriam???

Ron Groo disse...

Prost tenta tomar a tangência correta, Senna não alivia. O resto é história.
E as fotos são lindas.

Rianov Albinov disse...

Verde, e ainda teve o Nakajima em 6º com a Tyrrell - e chegou a figurar em 5º, salvo engano.

Abraços

Juan Castro disse...

Retaliação. O Prost fez merda parecida em 89. A única diferença é que o Senna não dissimulou.

Anônimo disse...

Son una verguenza los dos. Deberian haberle quitado el titulo a los dos porque que eran tan buenos que no necesitaban hacer eso. Y tambien deberian haberle quitado todos los puntos como a Schumacher. Una pena. El mas grande campeon brasileño: EMERSON FITTIPALDI, un caballero de las pistas.

Joachim Von Stuck

Pluvião disse...

Relamente Prost já havia feito algo parecido com o Senna. Na ocasião, Senna voltou e ganhou a corrida e conseqüentemente voltou a brigar pelo título. No entanto, a FIA desclassificou Senna dessa prova e Prost acabou sendo campeão. Conclusão, Senna não pilotava pra perder, culpa da FIA que estimulava o jogo sujo contra Senna. Se era assim que teria de ser, assim seria.

Anônimo disse...

Uma das manobras mais ridículas que já vi no automobilismo, esta efetuada pelo piloto do #27. Lamentável.

Afonso Sousa

Tazio Nuvolari disse...

Vaffanculo pezzo di merda, Senna!

Alexandre Nascimento disse...

Típico toma lá, dá cá! 1 ano depois, mesma pista, o sentimento e o revanchismo também eram o mesmo. Por esta corrida não há de quê se orgulhar mas, vejamos que ele "não tirou", deixou a escola pro Prost... hehehe

Cristiano disse...

Gostei das fotos dos carros depois da batida. Será que o Senna não tirou o capacete para esconder o sorriso?
De qualquer modo Prost bateu nele na freada da chicane, não numa curva de alta a 200 e tantos km/h. E convenhamos que vingança não é um sentimento nobre...
Lembrando ainda o Pierluigi Martini em 8º (2º melhor resultado da temporada, só atrás do 7º da corrida de estreia, onde largou em 2º - aliás, Phoenix teve o melhor grid de largada da história). Falando ainda em Minardi, já apareceu por aqui alguma menção ao teste que o Will Power fez na Minardi, acho que em 2005?

Pedro Costa disse...

Pronto!!

Tinha que vir o regionalismo do Brasil à tona!!

Em vez de defenderem um piloto que deu muito ao País ainda falam mal...

A eterna guerra Piquet (bom), Senna (mau) já mete nojo!!!

Tenham orgulho naquilo que deram ao Mundo e ao desporto!!

Foram todos bons, cada um do seu jeito!

Marcelo disse...

A todos que criticaram o Senna vão a XP!X, pois todos sabemos que ele deveria ter sido tetra campeão direto, fora que nessa corrida o Senna havia feito a pole e os cartolas da F1 mudaram a faixa de largada para que ele saisse do lado errado e na faixa suja da pista. Os brasileiros que ousam criticá-lo precisam entender que se o cara fosse europeu teria sido octacampeão seguido. Esse povinho é uma porcaria mesmo se fosse o alemão que ganhou quatro titulos nas costas do lixo do Rubens todos aplaudiriam. O velho pensamento colonial do povinho brasileiro. SENNA ETERNO!!!!!!!

frank disse...

Senna antes da corrida dizia que iria fazer a primeira curva como se não tivesse ninguem ao seu lado (pois não foi atendido no seu pedido de largar do lado de fora da pista). Resultado: bateu deliberadamente em Prost como esse fez com ele no ano anterior. Se foi justo ou não,eu não sei , mas isso não foi muito esportivo...

Gilles Villeneuve disse...

hahaha brasieliro ainda é vira latas...saibam que canalhas existem muitos, também no velho mundo...
querem rasgar seda vão pro sofá da hebe, não a uma corrida de F1
Senna eterno!!!

Francisco disse...

Apesar do troco bem dado, depois de 1989, essa batida foi um bade de água "gelada" nessa corrida que tinha tudo para ser a melhor de todos os tempos!