terça-feira, 30 de março de 2010

Voando em Detroit

1982
Mauro Baldi (Voando), Arrows Racing Team
Arrows A4, Ford Cosworth DFV 3.0 V8, Pirelli
I Detroit Grand Prix, Detroit Street Circuit, Detroit - Estados Unidos

(Clique para ampliar)


- Pessoal, só voltarei a atualizar o blog quando a flecha da Arrows cair no chão, em outras palavras, mais provavelmente no domingo.

Boa Páscoa a todos!

11 comentários:

Ale disse...

Hermosa foto Rian, nunca la había visto!!

Feliz Pascua.

Saludos, Ale.

Miguel Direito disse...

O último carro, que vem a queimar os pneus, é um osella ou um toleman?

Daniel Médici disse...

Curvinha infeliz... não à toa que foi riscada do traçado pouco tempo depois.

Gustavo Oliveira disse...

Rianov, já que o assunto é Arrows, que tal um post sobre o A2. Vi uma foto dele e confesso que fiquei com medo!

Ron Groo disse...

A curva me lembra a Loews, de Mônaco.

Arthur disse...

Vamos lá.

O carro que passa no canto direito(primeiro carro da foto) é a Reanault do Arnoux.
Seguido pela Ensign do Roberto Guerrero.
Aí vem a Williams do Daly,a Lotus do de Angelis,McLaren do Watson(vencedor da prova!!!) e a March do Jochen Mass.
Fazendo a curva por fora é a Arrows do Surer.
O carro que quase bate na traseira do Mass é a BMW do Patrese.
O carro azul que vem logo atrás é a Tyrrel do Brian Henton.
Na batida estão envolvidos a March do Raul Boesel e a Tyrrel do Alboreto.
O carro amarelo é a ATS do Salazar.
O penúltimo carro é o Fittipaldi do Chico Serra(!!!).
E quem tá fritando pneu é o Jarier com a Osella.

Valeu Rianov.
Boa Pascoa!!

Vands disse...

Flecha...CH!

Rafael Dias Santos disse...

Linda demais essa foto, pista estreita, curva fechada, em descida...não é a toa que tem uma igreja ali.
Gustavo, falei por cima da Arrows A2, adoro esse carro, que teve vida curta. Não sou nenhum especialista,mas talvez goste.
http://areadeescape.wordpress.com/2010/03/08/geracao-coca-cola/

Abracos

Guilherme disse...

Interessante observar que o Piquet não logrou êxito em classificar-se para esta prova, sendo que ele utilizava o motor BMW enquanto que o carro de Patrese estava equipado com o Ford Cosworth DFV.
(Informações provenientes do F1DB)

Janus disse...

Pô, só hoje vi a foto. Acho que já tinha visto ela uma vez, mas num scan bem menor. Esse tá sensacional, dá pra ver todos os detalhes, como o Arthur já explicitou aí. Legal mesmo que é uma foto que tem tudo, desde arquitetura, enfim, cenário, um pouco de torcida, ação de corrida, em vários pontos, carros de um monte de equipes diferentes envolvidos, uma curva totalmente louca, etc, etc, etc. Enfim, dá pra ficar uma semana falando. Sensacional escolha!

Janus disse...

O Daniel Médici lembrou bem, a partir do ano seguinte, 1983, até 1988 - e também quando a CART andou lá em 1989 e 90, essa curva foi riscada do circuito. Simplesmente passaram a cortar pra esquerda ali onde o Jarier tá fritando borracha. Talvez a idéia fosse dar um ar de Loews mesmo como o Groo comentou, mas não deu muito certo.