terça-feira, 24 de março de 2009

Ensaio Fotográfico

1976
Alex Dias Ribeiro
Hesketh 308D Cosworth
Watkins Glen GP Estados Unidos

(Clique para ampliar)


- Jesus saves the Penthouse.

4 comentários:

walter disse...

Foi mesmo irônico o piloto do 'Jesus Saves" pilotar o carro da Penthouse, com uma boazuda estampada na pintura.
As desventuras do Alex na F1 renderam dariam boas fotos, com carros bonitos, mas muito ruins.

Speeder_76 disse...

Deve ter sido um dilema moral... ele não era o companheiro do Gunnar Nilsson na formula 3 inglesa, onde o sueco dava revistas com meninas nuas, para contrariar as Biblias que o Alex dava?

Arthur disse...

97% dos pilotos deveriam ter adorado essa pintura menos o própio piloto que estava no carro e o Lord Hesketh.

O primeiro por ser um espécie de Kaka do asfalto.
O segundo por não gostar muito da coisa não.

HAHAHAHAHAH

politicamente_incorreto disse...

E aí Rianov, beleza? andei sumido graças a uma quantidade infinita de vírus etrojans instalados no meu micro, graças a minha amada compaheira e essa merda chamada orkut.....
Realmente esse carro deve ter sido um dilema muito grande na cabeça do "pequeno polegar", por incrível que pareça o perfil do Alex Dias Ribeiro estaria muito mais adequado aos dias "assépticos" da F1 ( licença viu tio Bernie...) atual, aonde os pilotos pareçem mais uma confraria de damas de honra ou na melhor das hipóteses nerds assexuados. Mas naquela época aonde figuras iguais ao James Hunt eram capazes até de encarar o lord "baitola" Hesketh, esse traçava todas e todos, mas não era o único... deve ter penado menino.....

Só um adendo... nessa época o lord baitola já tinha se aposentado da F1, pois vendera seu espólio para um certo Frank Williams que continuaria sua sina de produzir carroças até aparecerem uns arabes na sua vida no final de 1978, mas isso é outra história.... provavelmente Heskerth abandonou a F1 (licença...) por desgosto de ter perdido seu namorado loiro para a Mclaren....culpa do Emerson...