domingo, 3 de janeiro de 2010

O que você esta fazendo ai? Christian Danner (GP do Canadá de 1986) na Arrows

Quem me alertou sobre o fato foi o mestre Pandini. Na ocasião, ele me pedia fotos da passagem de Christian Danner na Arrows em 1986, mais precisamente no GP do Canadá. Pandini me pediu algum instantâneo do fato, coisa que na época não tinha, mas depois que vi magníficas fotos de meu amigo Zermia – um italiano fanático por fotos de Fórmula 1 como eu – o fato voltou à tona.

A passagem não deixa de ser interessante.

15 dias antes do GP do Canadá, Marc Surer – piloto titular da Arrows – se aventurava nos ralis. Para ser mais preciso, Rali ADAC Hessen. Surer e seu amigo e co-piloto, Michel Wyder, colidiram de forma brutal com seu Ford RS200 em uma árvore. O impacto foi tão forte que dividiu o carro ao meio, matando Wyder e ferindo gravemente Surer.

A Arrows então se via então, sem seu segundo piloto. Thierry Boutsen comandava a equipe, porem, o time precisava de um companheiro para o belga. O primeiro nome em mente veio sendo como o de Christian Danner, piloto que tinha um contrato com a Osella, mas que já havia treinado pela equipe nos testes do Rio de Janeiro no início do ano.

Para Montreal, estava acertado, Danner iria correr pela Arrows.

Macacão, carro, tudo pronto para Christian andar pela ilha de Notre Dame, mas se você pegar qualquer site/livro de estatísticas, verá que Danner pilotou para a Osella neste GP. Mas quem disse que ele não sentou na Arrows naquele fim de semana? Na sexta de manhã, lá estava ele, posando dentro do carro nº 17 da equipe.

Só que nem tudo foram flores. Problemas contratuais impediram Danner de competir o GP pela Arrows e Danner sequer deu uma volta com o carro. Sem ter quem “tampasse o buraco” a tempo, a Arrows foi somente com Boutsen para a pista. Danner voltou para disputar seu último GP pela Osella, onde completou somente voltas. Depois do GP, aí sim, Danner seria piloto oficial da equipe Arrows.


Acidente de Marc Surer no Rali de Hessen






5 comentários:

Fábio disse...

Que porrada essa do Marc Surer incrivel como ele conseguiu sair vivo e depois se recuperar depois dessa.

Felipão disse...

huahauhahah

incrível como antigamente a f1 era cheia desses detalhes...

Emerson disse...

HAHAH se tivesse me perguntado eu te passava as fotos... ^^

Naty disse...

Eu tinha visto ontem as fotos do Zermia e tinha ficado encantada com a história ;-)... Ficou show o post de retorno, Rian!!!

Jonny'O disse...

Sem falar que o Danner estava sempre fora do regulamento quanto a altura do santo antonio.Ou melhor ,sua altura não era propria!

Até parece aqueles senhores proprietarios de F1 dos anos 70 e 80 que correm nas provas de classicos de hoje em dia .