quarta-feira, 16 de julho de 2008

O que você esta fazendo ai ?: Damon Hill, Martin Donelly, Roberto Ravaglia, Johnny Dumfries e Gary Brabham na Benetton

Com a saída de Thierry Boutsen da equipe Benetton para a Williams em 89, houve uma intensa movimentação nos cockpits da Benetton. Alessandro Nannini já estava garantido, restava a outra vaga na equipe. Quem a ocuparia?
No inicio de 88 três pilotos testaram a Benetton: Roberto Ravaglia, Martin Donelly e Damon Hill
Ravaglia na época já era bi-campeão do mundial de turismo, e estava se arriscando nas formulas, mas um acidente particular o impediu de levar a frente esta ideia.
Damon Hill já não era mais um menino de 18 anos, na época piloto da F3 inglesa e estava ansioso para estrear na F3000 ainda em 88.
Martin Donelly era mais um promissor piloto de F3000 que não deu certo na F1. Martin sofreu um gravíssimo acidente , já em 90 pela Lotus F1, que o afastou das corridas da categoria.
Começa 89 e mais dois pilotos testam a Benetton: Johnny Dumfries e Gary Barbham
Dumfries assina com a Benetton como piloto de testes, ao mesmo tempo que vai correr as 24h de Le Mans ao lado de Jan Lammers e Andy Wallace.
Gary Brabham é filho do legendário Jack Brabham, Gary esboçou algum brilhantismo na Inglaterra no final da década de 80, mas a mágica parou por ai, vide a pífia carreira na Life F1.
Mas a Benneton não foi lá nem cá, ela anunciou o companheiro de equipe de Nannini como sendo Johnny Herbert, o campeão da F3 Britânica de 87. Só que Herbert não demorou muito, já "rodou" na equipe, mesmo com boas atuações, foi substituído por Emanuelle Pirro na corridas finais da temporada de 89.
Ê cockpit disputado hein?



A saida de Boutsen movimentou o cockpit da Benetton



Ainda em 88 testaram Roberto Ravaglia ...



... Martin Donelly ...



... e Damon Hill.



Já em 89, Gary Brabham tentou uma vaga ...



... Johnny Dumfries conseguiu uma de testes.



Mas a da titular ficou com outro Johnny, o Herbert, mas ...



... tambem por pouco tempo, Emanuelle Pirro encerraria esta caçada a uma vaga da Benetton

7 comentários:

Germano disse...

interessante...esses testes "vestibulares" revelam cada surpresa...

Hermenegildo disse...

Só uma pequena correção aí, amigo, Damon Hill já tinha 28 anos em 1988, e não 18 como foi citado. De resto, achei ótima a postagem

Equipe SIGA disse...

Blog espetacular e adicionado aos favoritos!

Continue atualizando!!

Aonde você consegue tantos videos antigos cara?!?!

Muito bom! Parabéns!

Lucas Pastorello disse...

Por sinal, que raio de capacete é esse que o Hill usa? Pegou do pai? Parece que não tem viseira.

Fabio disse...

pelas fotos parece que o ravaglia, o donelly e o hill testaram no final de 1987, e não 1988, já que o carro parece aquele que usou o ford turbo

Rianov Albinov disse...

Hermenegildo-
Falha bizonha esta minha, já arrumei

Fabio-
Foi em 88 sim, mas no inicio do ano

Ever Rupel™ disse...

é fato, Donelly e Ravaglia estão guinado o Benetton de 1987